Maternidade ou Maternagem,quem é quem?

Maternidade parece ser algo tão simples de conhecimento geral e que pode ser facilmente explicado,certo?
Não necessariamente pergunte algumas pessoas e verá uma definição infinita de conceitos e ideias do que se envolve.
Mas afinal o que é Maternidade então?
Maternidade é a condição biológica garantida pela natureza à algumas mulheres capaz de gestar um bebê ou seja o processo da gravidez e o parto.
Me espanta muito em pleno séc XXI pessoas dizerem quando vêm uma gravida : Ah você vai ver... toda mulher sabe  como cuidar do bebê é o instinto de mãe!
Sem mencionar aqui passagens históricas de mães mais abastadas que enviavam seus filhos para amas cuidarem e amamentarem,onde muitas dessas crianças morriam e por isso governos começaram campanhas para tornarem a maternidade algo tão romântico fazendo assim muitos assimilarem este conceito de maternagem ser algo que surge junto à maternidade.
Cuidar de um ser tão indefesso e que demanda tanto tempo e atenção não é assim tão simples ou uma tarefa que todas mulheres irão automaticamente se adaptar e achar a melhor coisa do universo.
Ai entra a maternagem,mas o que é afinal?
Maternagem é o ato e a condição de cuidar de outro ser com atenção,carinho,cuidado,interesse ou seja se dedicar as necessidades de um ser indefesso e carente desses cuidados.
Não é preciso pensar muito no nosso dia à dia quantas mães conhecemos sem maternagem e também ao contrario quantas pessoas mesmo não sendo mães são cheias de maternagem.
Em uma sociedade com uma realidade totalmente mudada e com famílias constituídas de diversas formas hoje temos muitos casais homossexuais com um alto nível de maternagem,assim como pais,tias e avós que assumem este papel.
Sem mencionar a pressão dada a todas mulheres que ficam gravidas isso muitas vezes cumina silenciosamente até o fim da gestação e pós parto e muitas vezes tornando-se uma depressão pós parto.
Muitas pessoas não tem essa maternagem em si pois geralmente foram  pessoas que sempre demandaram cuidados ou simplesmente se sentem perdidas.
A mulher muitas vezes se sente incompleta ou problemática por não ter esse "instinto" como se fosse algo geneticamente obrigatório.
O que mais me encanta na maternagem é o fato de ser uma decisão que pode nascer junto a maternidade seja com a mãe ou com outro cuidador .
Um lindo processo de se colocar no lugar do outro para tentar entender suas necessidades de se dedicar,uma relação que  pela troca vai se transformando em um aprendizado continuo.
O fato é que a maternagem sim pode garantir um desenvolvimento feliz e completo já a maternidade mesmo podendo ser vivida com amor e intensidade não garante.




Comentários